CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE PARANAENSE

 

centro de memória

 

 

 

O início do acervo

O Centro de Memória do Esporte Paranaense é um espaço público criado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Esporte, e tem como objetivo o resgate e a preservação da história do esporte no Paraná. 

A história do Centro de Memória teve início na década de 1990, quando diversos objetos ligados ao esporte, como troféus, fotos, medalhas, recortes de jornais, livros e documentos sobre as atividades que aconteciam na Secretaria de Esporte começaram a ser guardados. 

A família do jogador de basquete e dirigente esportivo, Almir Nelson de Almeida - que dá o seu nome ao maior Ginásio de Esportes do Paraná, o Ginásio do Tarumã - doou uma série de objetos pessoais, mostrando a importância da preservação e disseminação da prática esportiva no Estado do Paraná. 

Assim, o Centro de Memória do Esporte Paranaense tem como principais campos de atuação a guarda, pesquisa e conservação de acervos relacionados ao esporte pertencentes ao patrimônio cultural público do Estado e a todos os cidadãos, conforme rezam as legislações federais e estaduais de gestão do bem público, respaldadas pela Constituição Federal Brasileira, de 1988.

MISSÃO: Ampliar o acesso ao patrimônio científico e esportivo por meio de preservação, pesquisa e comunicação de acervos e coleções, representantes da herança e memória esportiva paranaense.

VISÃO: Atuar como facilitador para pesquisas, estudos e procedimentos de salvaguarda e conservação de objetos-documentos e testemunhos da história do esporte paranaense. Dessa forma, intuí viabilizar tais atividades, atendendo às políticas definidas pelo Governo do Estado instituídas conforme parâmetros democráticos e estabelecidos na Constituição Federal e de acordo com as diretrizes do Instituto Brasileiro de Museus - IBRAM.

VALORES: Preservação | Responsabilidade | Acessibilidade | Transparência

 


 

O ginásio do tarumã

Localizado no bairro Tarumã, o Ginásio de Esportes Professor Almir Nelson de Almeida, conhecido como Ginásio do Tarumã, foi inaugurado em 1965. Desde sua inauguração, o complexo esportivo se tornou um ícone para o esporte e a arquitetura do Paraná.

Sendo o ginásio mais antigo do Paraná, a instalação foi sede do primeiro curso de Educação Física do Estado do Paraná, intitulado como Escola Superior de Educação Física e com o tempo passou a ser o palco onde se desenvolveu o esporte amador do Paraná.

Em seus mais de 50 anos de história, o Ginásio já recebeu diversos eventos esportivos de renome, como o Sul-Americano de Vôlei Feminino e Masculino em 1989 e o Mundial de Vôlei Masculino em 1990. Também foi sede do time de vôlei feminino intitulado Paraná Vôlei, bicampeã da Superliga (97/98 e 99/00), comandado pelo técnico Bernardinho até 2003.

Em 1987 o Ginásio sofreu ampla reforma para se tornar o Centro de Excelência de Esportes do Paraná, destacando o seu papel como referência em instalação esportiva no Estado, projeto pelo qual o Governo do Estado apresentou a intenção de vincular a prática esportiva, nas mais diversas modalidades, a atletas de destaque e reconhecimento público por suas conquistas e resultados, formatando programas de referência na formação de jovens atletas.

Depois de quatro anos fechado, em abril de 2017, o Ginásio do Tarumã foi reinaugurado após passar por amplas reformas. A revitalização englobou uma caixa d’água nova, telhado, iluminação, vestiários, troca do piso da quadra, equipamentos, pintura e limpeza. Também foi instalada, em anexo, uma arena multiuso desmontável de grama sintética. 

Com capacidade para 4.555 pessoas sentadas, o Ginásio do Tarumã vem recebendo diversos eventos esportivos nacionais e internacionais, além de eventos culturais. O calendário de atividades do ginásio é definido pela Secretaria de Estado do Esporte (SEES) que atende solicitações de entidades esportivas conforme a demanda ao longo do ano, sempre levando em conta o interesse público e social do Tarumã para o fomento do esporte paranaense.

Acesse o site oficial do Ginásio do Tarumã

Confira a evolução da estrutura do Ginásio do Tarumã ao longo dos anos


A sede do Centro de Memória do Esporte Paranaense fica no Ginásio do Tarumã, cujo nome oficial é Ginásio de Esportes Professor Almir Nelson de Almeida, localizado na Av. Victor Ferreira do Amaral, número 1649 - Tarumã.

Composta por espaços de guarda e um espaço expositivo, além da estrutura administrativa de coordenação, o centro engloba uma estrutura organizacional de 36,22 m2, dentro do espaço de 5.780 m2 do ginásio. Também conta com espaços dentro da sede da SEES, localizada Rua Pastor Manoel Virgínio de Souza, 1020 - Capão da Imbuia.

 


a retomada do acervo

 

 

Depois de anos fechado, O Centro de Memória do Esporte Paranaense foi reaberto em 2019 graças ao processo de retomada do projeto que busca guardar e disseminar a história do esporte do Paraná. 

A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.

No final desta página você confere a galeria de imagens com fotos do evento de reabertura do Centro de Memória do Esporte Paranaense e da exposição "Os Craques da Bola".

Confira o museu virtual com fotos da história do Centro de Memória do Esporte

 


Agende sua visita

 

Todas as visitas ao acervo físico do Centro de Memória do Esporte Paranaense devem ser agendadas previamente.

Entre em contato pelos números: (41) 3361-7713 ou (41) 3361-7736

 

navegue pelas nossas memórias

 

 Consulte nosso acervo

 

Exposições

 

 

 

 

 

 

Documentários

                                                                                                                               

Série Memória do Esporte - TV Paraná Turismo

Série A Copa Que Não Existiu - Ernani Buchman

Evento Ei Craque - 2022

Evento Ei Craque: Homenagem a Sicupira - 2023

A Força da mulher no esporte e na vida

 

     
 

GALERIA DE IMAGENS

  • A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES
    A reabertura do centro de memória foi marcada pela exposição “Os Craques da Bola”. Na ocasião, foram homenageados os ex-jogadores de futebol Aladim, Sicupira, Castro e Krüger, com fotos, documentos e objetos que marcaram a época em que os jogadores atuaram em clubes paranaenses.
    Foto: SEES