Ginastas do Paraná conquistam 35 medalhas no Sul-Americano na Colômbia
12/11/2021 - 15:31

Um, dois, três...... 35. Esse foi o saldo de medalhas das atletas do Paraná no Campeonato Sul-Americano de Ginástica Rítmica, disputado entre os dias 4 e 7 de outubro em Cáli, na Colômbia.  Todas as atletas conquistaram o lugar mais alto do pódio e a Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica voltou com o total de 49 conquistas. 


Com 82 integrantes, a Seleção Brasileira tem 36 atletas e técnicas originárias do Paraná – 29 ginastas e sete treinadoras. Sendo de três regiões (Curitiba, Londrina e Toledo). O Sul-Americano inicia na categoria pré-infantil (9 e 10 anos) até a adulta (a partir de 16 anos) e o Paraná tem atletas em todas as categorias representando o país. 


A presidente da Federação Paranaense de Ginástica (FPRG), Márcia Aversani, enfatiza que o alto nível das ginastas paranaenses ficou comprovado com os resultados positivos. Para ela é fruto de alguns ingredientes: investimento do Governo do Paraná, apoio técnico da FPRG, excelente trabalho desenvolvido pelos clubes. “Voltamos dos Campeonatos Brasileiros com resultados expressivos e também com resultados maravilhosos dos Jogos Escolares Brasileiros (JEBS). Comprovando o trabalho de três cidades e regiões diferentes do Estado: Londrina, Toledo e Curitiba”, explica. Além das atletas, Márcia enfatiza o corpo técnico paranaense qualificando com sete treinadoras do Estado na Seleção.


GERAÇÃO OLÍMPICA - Na delegação canarinho, 19 são bolsistas do programa Geração Olímpica e Paralímpica do Governo do Paraná, com patrocínio exclusivo da Companhia Paranaense de Energia (Copel). Nesta soma 17 são atletas e duas são técnicas que voltaram para casa com 26 medalhas


Destaque na competição foi para a bolsista Bárbara Domingos – que recentemente foi a primeira brasileira a chegar na final individual do Campeonato Mundial de Ginástica Rítmica – conquistou sete medalhas de ouro, ou seja, ganhou todas as provas que disputou. Entre elas, campeã individual geral.  “As medalhas do Campeonato Sul-Americano fecham o ciclo de competições de 2021 e complementam a minha evolução após Pan-Americano – que fiquei em segundo e não consegui vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio.  Foi uma evolução muito grande, fiquei um mês fora em competições e mantive o alto rendimento. Significa que o trabalho está sendo bem feito”, conta Bárbara.


Entre os futuros da ginástica rítmica, está a bolsista do Geração Olímpica e Paralímpica e paranaense Júlia Ricardo de apenas 12 anos. Após vários pódios no JEBS, a curitibana se consagrou campeã individual geral e no aparelho das maças mais a prata nas mãos livres. “É gratificante estar participando de competições internacionais, aprendo muito com elas”, afirma. 
Desde os quatro anos, Júlia pratica esporte e com sete anos mudou da ginástica artística para rítmica. Para ela, o momento da prova é preciso concentração e, principalmente, se divertir com a apresentação.  Ainda neste ano, a curitibana embarca para Bolívia, onde disputa o Pan-Americano para Novos Talentos. 


COMITÊ INTERNACIONAL-  O sucesso da ginástica rítmica brasileira também ocorre fora dobrios aparelhos. Na última semana, a presidente da FPRG, Márcia Aversani, foi eleita integrante do Comitê Técnico da Ginástica Rítmica da Federação Internacional de Ginástica (FIG).


Entre 16 candidatos, Márcia foi a quarta mais votada para estar entre os seis escolhidos. Os representantes são da Alemanha, Azerbaijão, Belize, Bulgária, Brasil e Noruega.  A última represente no comitê foi em 2008, no ciclo Olímpico de Pequim.  Para Márcia, é uma conquista do país e também do Paraná por estarem envolvidos com as mudanças e construção da modalidade.

 

 

RESULTADO das atletas do PARANÁ 

 

  • Pré-Infantil – categoria 9 e 10 anos

Letícia Machado – Clube Agir

Campeã no Individual Geral

Campeã na Corda

Campeã na Bola

Anna Julia de Carvalho – Clube Agir

Campeão Mãos Livres

Bronze no Individual Geral

Conjunto – Clube Agir

Campeão 5 arcos

Campeão Mãos Livres

  • Infantil – categoria 11 e 12 anos

Julia Cristina Ricardo – Clube Agir

Campeã no Individual Geral

Campeã nas Maças

Prata Mãos Livres

Stefhany Popoatzki – Clube Tuiuti

Campeã Mãos Livres

Vice-campeão no Individual Geral

Bronze nas Maças

  • Infanto-Juvenil – categoria 13 a 15 anos

Trio – Clube Tuiuti

Campeão 3 fitas

Cojunto – ADR Unopar

Campeão 5 Fitas

Campeão 5 bolas

  • Juvenil – categoria 13 a 15 anos

Maria Eduarda Alexandre – Agito

Campeã  no Individual Geral

Campeã no Arco

Campeã na Fita

Isadora Carnielli – Clube Agir

Campeã nas Maças

Campeã na Bola

Vice-campeã no Individual Geral

Vice-campeã na Fita

Vice-campeã no Arco

Seleção Brasileira de Conjunto Juvenil  (REPRESENTANTES: Treinadora Juliana Coradine; Fernanda Heinemann – Agito;  Gabryela Rocha – Clube Agir, Giovana Rafaela – Clube Tuiuti, Julia Kurunczi – ADR UNOPAR; Luiza Pugliese – Clube Agir).

Campeão 5 fitas

Campeão 5 bolas

  • Adulto – a partir de 16 anos

Barbara Domingos – Clube Agir

Campeã no Individual

Campeã por equipes

Campeã na Fita

Campeã no Arco

Campeã nas Maças

Campeã na Bola

Conjunto ADR Unopar

Campeão 5 bolas

Campeão Misto

Campeão Conjunto Geral

GALERIA DE IMAGENS