Notícias em Destaque

10/6/2019 17:40:00

Publicado o regulamento da edição do Geração Olímpica

O Instituto Paranaense de Ciência do Esporte (IPCE) divulga o regulamento para os interessados em concorrer às bolsas do maior programa de incentivo ao esporte do país, em nível estadual, o Geração Olímpica - Talento Olímpico do Paraná. Criado pelo Governo do Estado em 2011, terá nesta edição um investimento de R$ 4,75 milhões da Companhia Paranaense de Energia, a Copel, a maior patrocinadora do esporte do estado e incentivadora do programa desde a sua primeira edição.

 

O regulamento já está disponível (ACESSE AQUI), porém as inscrições abrem nesta quinta-feira (13) e poderão ser realizadas até o dia 27 de junho. A entrega de toda documentação solicitada deve ser feita na sede do Instituto Paranaense de Ciência do Esporte - IPCE, na Rua Pastor Manoel Virgínio de Souza, 1020, em Curitiba (PR), ou enviada por correspondência.


Todas as dúvidas devem ser tiradas pelo FALE CONOSCO, via e-mail talentoolimpico@seet.pr.gov.br

 

Edição 2019

Para 2019, o programa passou por algumas adequações no que se refere às categorias e também ao número de bolsas distribuídas para cada uma delas, com a intenção de reforçar a escolha dos selecionados em critérios cada vez mais técnicos visando o ciclo dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos. Nesta edição serão 1.252 bolsas ofertadas em seis categorias. “A principal mudança foi na categoria Olimpo, destinada a atletas com resultados internacionais e que têm reais condições de estarem nos Jogos de Tóquio 2020. Ela passará a ofertar 50 bolsas no valor de R$ 3 mil”, disse Denise Golfieri, coordenadora do Geração Olímpica.

 

Confira as categorias de bolsas, a quantidade ofertada e os valores:

 

 

  • Formador: 452 vagas / R$ 200,00
  • Técnico Formador: 50 vagas / R$ 350,00
  • Estadual: 450 vagas / R$ 500,00
  • Técnico: 50 vagas / R$ 850,00
  • Nacional: 200 vagas / R$ 1.000,00
  • Olimpo: 50 vagas / R$ 3.000,00

  

História

“Esse programa permite a evolução de jovens que iniciam nos Jogos Escolares do Paraná e conseguem chegar à maior competição para um esportista, os Jogos Olímpicos e Paralímpicos. Ou seja, é fundamental para atletas que representam o Paraná em inúmeras disputas de nível estadual, nacional e internacional e mostra que, como é orientação do nosso governador Carlos Massa Ratinho Junior, políticas públicas como esta podem servir para a transformação de toda nossa sociedade”, ressaltou o diretor-presidente do IPCE, Helio Wirbiski.

 

E algumas conquistas representam bem a importância desse projeto para o desenvolvimento esportivo paranaense de formação e alto rendimento. Entre as principais, as conquistas das delegações de atletas nos Jogos Escolares da Juventude (competição nacional organizada pelo Comitê Olímpico do Brasil - COB) da qual o Paraná sagrou-se bicampeão (2016/2017) na categoria 12 a 14 anos e é vice-campeão da categoria 15 a 17 anos desde 2011. A maior parte dos atletas da delegação eram bolsistas do programa. Inclusive, toda delegação que representou o Paraná nos Jogos Escolares da Juventude em 2018 terá garantida uma Bolsa Formador na atual edição.

 

Além disso, o crescimento no ciclo olímpico foi evidente. Para se ter uma ideia, seis bolsistas representaram o estado nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Londres 2012 tendo o programa como um de seus patrocinadores, apenas um ano após o início do projeto. Quatro anos depois, o programa alcançou a surpreendente marca de 34 representantes nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Um crescimento de quase seis vezes.

 

Geração Olímpica

Olhando para todo esse retrospecto, ficou evidente que o trabalho de criação do programa, buscando e incentivando os principais talentos esportivos do Paraná, deu resultado ao longo de oito anos, crescendo e criando uma sólida geração. Tamanho sucesso resultou em uma nova marca que passará a representar este legado, fazendo o programa passar a ser conhecido como Geração Olímpica.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.