Esporte

6/2/2019 10:50:00

Projeto Verão Paraná segue no litoral com eventos nos fins de semana

A equipe da Esporte Paraná, que realiza o projeto Verão Paraná dentro da Operação Verão do Governo do Estado, contabilizou até este domingo, dia 3, um total de 121.636 atendimentos para veranistas e moradores locais dos municípios de Matinhos, Pontal do Paraná e Guaratuba. Ao longo de janeiro, foram realizadas diversas atividades esportivas e recreativas como caminhadas, torneios esportivos, recreações, ginásticas e danças para todas as idades, sempre monitoradas por acadêmicos e profissionais de Educação Física. O calendário de atividades esportivas agora se estende ao longo de fevereiro com eventos pontuais nos fins de semana.


.

Equipe de monitores do Projeto Verão Paraná. 


Fevereiro

No próximo sábado, dia 9, acontece mais um evento dentro da Operação Verão. Será à tarde, a partir das 16h, oportunidade em que a equipe do Curitiba Rugby vai interagir com os veranistas, apresentando a modalidade com exercícios e circuitos com os fundamentos da modalidade. O local será a praia de Shangrilá, em Pontal do Paraná. 


Janeiro

Nos primeiros 21 dias de ações, atividades foram realizadas em quatro postos fixos nas praias de Shangrilá, Ipanema, Praia de Leste e Caiobá e no posto itinerante em Guaratuba, contando com cerca de 70 pessoas envolvidas desde o planejamento até a execução de todo o projeto.

"O objetivo do governo é incentivar o turismo no nosso litoral, apoiar os comerciantes e a geração de emprego e renda em toda região. Isso passa por melhorar a infraestrutura e o atendimento aos turistas e veranistas. Esse é o nosso objetivo e é uma determinação do governador Carlos Massa Ratinho Júnior", disse o presidente da Esporte Paraná, Helio Wirbiski.

O coordenador de esportes da Esporte Paraná, Cristiano d’El Rei, falou sobre o planejamento para a próxima edição. “O Governo do Estado entende a importância que o Verão Paraná tem para os veranistas e moradores dos municípios atendidos, além de toda a sua história. Portanto, estamos engajados em estruturar um formato com ainda mais qualidade para todos os envolvidos no futuro.” 

Para a coordenadora geral do Projeto, Marcia Simoni Claro, a confiança que o novo governo depositou na equipe foi determinante para que o projeto alcançasse mais uma vez a excelência que sempre teve em outras edições. “Mais uma vez tive certeza de que o material humano fez a diferença e, juntamente com a supervisão e suporte de uma equipe técnica experiente, o trabalho alcançou o sucesso esperado. A equipe que realiza o Verão traz mais do que conhecimento. Traz muito amor porque são pessoas que viveram isso tudo ao longo desses 37 anos de sua existência.”

Márcia comentou ainda sobre o respeito recíproco com os veranistas, que entendem o funcionamento dessas ações, que primam pela diversão, mas com responsabilidade e seriedade. Um trabalho que começa nos bastidores com monitores que são multiplicadores. “Nós não temos a dimensão do alcance de nosso trabalho na vida das pessoas, tanto dos veranistas quanto dos acadêmicos de Educação Física que vêm como monitores. As pessoas que participam levam para sua vida a importância de boas práticas e os monitores têm uma visão muito ampla na construção de suas carreiras. Temos certeza de que esse é um verdadeiro legado que eles levam”, finalizou.

Texto e foto: Josi Schmidt/Verão Paraná
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.