Esporte

26/1/2012 14:40:00

Copel participa de reunião do TOP 2016

A ampliação do número de bolsas para o TOP 2016 (Programa Talento Olímpico Paranaense) de 250 para 400 e a criação de 50 para técnicos foram assuntos de um encontro no gabinete do secretário de Esporte Evandro Rogério Roman, no fim da tarde dessa quarta-feira, após encontro com representantes das federações esportivas, na própria Secretaria. A reunião contou com a presença da diretora de Gestão Corporativa da Copel, Yara Christina Eisenbach, do coordenador de projetos especiais, Itamar Tagliari, da coordenadora do programa, Andréa Yamaguchi, além de outros integrantes da equipe técnica da SEES.
Detalhes
O TOP 2016 consiste na identificação de jovens esportistas – paranaenses ou que moram no Estado – com potencial para disputar as Olimpíadas e Paraolimpíadas de 2016 e/ou 2020 e no oferecimento de apoio financeiro e técnico para treinamentos e competições.
Serão investidos este ano no projeto R$ 2,9 milhões. O valor das bolsas para os atletas permanece em R$ 500, enquanto os técnicos receberão R$ 850 mensais. Em 2011, os recursos somaram R$ 510 mil (entre agosto, quando foi implantado o programa, e dezembro).
Segundo o coordenador de projetos especiais da secretaria, Itamar Tagliari, das 400 bolsas concedidas a atletas, 352 serão voltadas para modalidades olímpicas e 48, para paraolímpicas. Entre as 50 bolsas para técnicos, seis serão destinadas ao paradesporto.
Outra novidade é que o projeto vai exigir mais dos contemplados. Não em termos de resultados, mas de retorno de suas atividades por meio de relatórios completos. A responsabilidade dos relatórios passa agora para os atletas, com a anuência dos técnicos.
Como em 2011, as federações esportivas continuam com a prerrogativa de indicar os beneficiados pelas bolsas. Elas têm até o dia 6 de fevereiro para escolha dos atletas, de acordo com critérios próprios, mas seguindo os critérios básicos do programa. Não é descartada a possibilidade de se ampliar ainda mais o programa para outras categorias.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.